joão gilberto vaz joao gilberto vaz

Final da Copa de 1970 pode virar “Patrimônio Esportivo da Humanidade”

A decisão da Copa o Mundo de 1970, que deu o tricampeonato mundial ao Brasil após a goleada de 4 a 1 sobre a Itália, pode virar “Patrimônio Esportivo Histórico da Humanidade”. O pedido foi feito pelo governo do Estado mexicano de Colima e pelo Bureau Internacional de Capitais Culturais. A decisão da Copa-1970 ocorreu no estádio Azteca, na Cidade do México, com mais de 107 mil pessoas nas arquibancadas.

A partida se torna a quarta realizada em solo mexicano a ser candidata a se tornar patrimônio da humanidade, e a segunda com a seleção brasileira envolvida: também estão na lista Itália 4 x 3 Alemanha, pelas semifinais da Copa de 1970; Argentina 3 x 2 Alemanha, na final da Copa de 1986; e México 4 x 3 Brasil, pela decisão da Copa das Confederações de 1999.

Outras 10 partidas disputadas no México também serão indicadas a se tornar patrimônio da humanidade. A lista completa ainda não foi revelada. As homenagens fazem parte de evento cultural que será realizado no Estado de Colima em 2014.

Naquela decisão, o Brasil entrou em campo com Félix; Carlos Alberto Torres, Piazza, Brito e Everaldo; Clodoaldo, Gerson, Rivellino; Pelé, Jairzinho e Tostão. Já a Itália entrou em campo com Albertosi, Burgnich, Cera e Facchetti; De Sisti, Rosato, Mazzola e Bertini (Juliano); Boninsegna (Rivera), Riva e Domenghini.

Os gols foram marcados por Pelé, de cabeça, aos 18 min.; Boninsegna, aos 37 min. do 1° tempo; Gerson, aos 21 min.; Jairzinho, aos 26 min.; e Carlos Alberto Torres, em um dos gols mais bonitos da história, aos 41 min. do 2° tempo.

Pelé já foi eleito “Patrimônio Esportivo Histórico da Humanidade”, em 2011, após votação, também pelo Bureau Internacional de Capitais Culturais.

FONTE: http://copadomundo.uol.com.br/noticias/redacao/2013/09/11/final-da-copa-de-1970-pode-virar-patrimonio-esportivo-da-humanidade.htm

Publicar Comentário

*