joão gilberto vaz joao gilberto vaz

Arena das Dunas – Presidenta Dilma Rousseff dá o pontapé inicial de Natal para a Copa

“Encantada”. Assim a presidenta da República, Dilma Rousseff, resumiu o sentimento que teve ao conhecer a Arena das Dunas e dar o pontapé inicial do estádio de Natal para a Copa do Mundo da FIFA 2014. O Rio Grande do Norte será palco de quatro jogos do Mundial.

“Esse estádio é tão bonito quanto Natal. Ele saiu 3% abaixo do preço orçado e empregou quatro mil trabalhadores, entre eles apenados. Além de todo o legado de mobilidade, vamos deixar um estádio como esse. Ele não vai servir apenas para os jogos, mas é um local para convenções, exposições e grandes reuniões”, afirmou a presidenta. Além do estádio, Natal recebe intervenções em obras viárias na cidade, está construindo um novo aeroporto em São Gonçalo do Amarante e finalizando as obras do Terminal de Passageiros do Porto.

A comitiva com Dilma Rousseff chegou à Arena das Dunas minutos antes das 19h (horário local). No estádio, a presidenta atravessou um dos lounges que receberão eventos, usou um dos elevadores que dão acesso aos 39 camarotes e cumprimentou personalidades locais, estaduais e do Comitê Organizador da Copa (COL) na área VIP.

Em seguida, foi até o piso térreo para visitar uma exposição de artistas plásticos locais que tem como temática a Copa do Mundo. Na reta final da passagem pela Arena das Dunas, desamarrou a fita comemorativa de inauguração da obra, foi até o gramado, cumprimentou dois operários que simbolizaram os quatro mil da obra e deu o pontapé simbólico.

“Tenho certeza de que povo brasileiro vai demonstrar, além da paixão, uma capacidade de receber bem os visitantes. Aqui em Natal jogarão oito seleções – entre elas o Uruguai e a Itália, campeões mundiais. Temos muito o que apresentar em termos de desenvolvimento, distribuição de renda e melhorias para o nosso povo”, afirmou. Segundo ela, a Arena das Dunas vai ampliar o potencial turístico que a cidade de Natal já tem.

Além da presidenta, estiveram no estádio autoridades federais, estaduais e municipais, como o ministro interino do Esporte, Luis Fernandes, a governadora do Rio Grande do Norte, Rosalba Ciarlini, o prefeito de Natal, Carlos Eduardo, além de jogadores como Cafu e Bebeto e do secretário geral da FIFA, Jérôme Valcke.

FONTE: PORTAL COPA 2014

Publicar Comentário

*